Coronavirus Como reduzir os riscos

Quick Finder de produto

Escolher uma categoria ou subcategoria

Surto e propagação do novo Coronavírus    

Desde o final de dezembro de 2019, um novo coronavírus se espalhou na província de Hubei, na China, e atingiu muitos países ao redor do mundo. Ao contrário de uma epidemia, que é uma doença contagiosa de ocorrência regional, uma pandemia é uma epidemia mundial, como é o caso desse novo coronavírus, que causa a doença COVID-19. Você pode encontrar uma visão geral das áreas de risco de coronavírus na website of the WHO (World Health Organisation). 

O vírus se espalha tipicamente através de pequenas gotículas que se espalham, quando uma pessoa com COVID-19 tosse ou exala. Outra pessoa pode então pegar o vírus respirando essas gotículas, ou tocando objetos contaminados por elas e, em seguida, levando as mãos aos olhos, nariz, ou boca. O período de incubação atualmente conhecido é de nomáximo 14 dias.

 

 

Quais medidas preventivas devem ser tomadas?

A contenção só pode ser alcançada através do comportamento responsável e da tomada de medidas gerais de higiene e, principalmente, da higiene das mãos.

Não está claro por quanto tempo o novo Coronavírus permanece infeccioso em superfícies e objetos. Estudos sugerem que pode persistir, por pelo menos, algumas horas e até vários dias. Sugerimos limpar objetos regularmente com produtos desinfetantes.

 
 

Como reduzir o risco de ser infectado - Dicas para a vida cotidiana  

Não dê apertos de mão

Mesmo que pareça rude no começo, evite apertar a mão um do outro. Evite o contato físico em geral.

 

Lave suas mãos frequentemente

Limpe as mãos com álcool gel, ou lave bem com água e sabão. Especialmente antes de preparar a comida, antes de comer ou quando chegar em casa. Sempre lave as mãos depois de usar o banheiro, ou se as mãos estiverem visivelmente sujas. Aprenda aqui como lavar ou desinfetar suas mãos adequadamente.

 

Mantenha as mãos longe do rosto

O vírus pode facilmente passar das mãos para as mucosas dos olhos, nariz e boca. Evite tocar seu rosto.

 
 

Proteja o rosto ao tossir e/ou espirrar.

Ao tossir, a “mão sobre a boca” é bem-intencionada, mas ao fazê-lo, você espalha um grande número de vírus para fora do seu corpo, que depois grudam nas mãos. Portanto, não tussa nas mãos, mas na manga, ou no lenço de papel.

 

Descarte os lenços de papel imediatamente

Jogue imediatamente os tecidos usados ​​no lixo - de preferência em um recipiente com um saco de lixo que possa ser bem fechado e descartado regularmente. Em seguida, lave suas mãos.

 

Mantenha o ambiente ventilado

Em salas fechadas, o número de vírus no ar pode aumentar drasticamente.

A ventilação regular de uma sala (três a quatro vezes ao dia por dez minutos) neutraliza isso e, portanto, reduz o risco de infecção.

Também melhora o clima interno e evita a secagem das membranas mucosas da boca e nariz.

 

 

Mantenha a distância e evite multidões

Mantenha a maior distância possível de outras pessoas ao tossir, pelo menos, 1 metro, para evitar respirar gotículas, que podem incluir o novo Coronavírus, que causa COVID-19.

 

Preste atenção aos primeiros sintomas. Aja com responsabilidade.

Se você tiver febre, tosse ou dificuldade em respirar, consulte um médico o mais rápido possível. Importante: ligue com antecedência para que você seja direcionado diretamente para o estabelecimento de saúde certo, evitando assim entrar em contato com muitas pessoas. Siga as instruções da sua autoridade sanitária local.

 

Quando usar máscaras de proteção?

A OMS recomenda usar uma máscara somente quando você estiver cuidando de uma pessoa com suspeita de infecção por COVID-19, ou quando estiver estiver com sintomas. Nesse caso, a máscara é para proteger as pessoas ao seu redor. Saiba como usá-la.  

 

Não compartilhe objetos

Evite compartilhar objetos e tocar superfícies em espaços públicos, pois o novo Coronavírus, que causa COVID-19, permanece nas superfícies por horas e até dias. Se você acha que um objeto pode estar infectado, contaminado, limpe-o usando um desinfetante de superfície, seguido de lavagem das mãos.